Scorpions

Hoje entrei na internet, às 18h30, porque às 19h tinha aula, e nessa espera resolvi ir ao YouTube e procurar um show para assistir, e o escolhido foi Scorpions Acoustica – Live in Lisboa 2001 (Show Completo), e foi O show!
Gostava de algumas músicas mais conhecidas do Scorpions, mas conheci outras e gostei do show, mesmo que antigo.
Nessa época temos que variar, e na pausa de livros e filmes, busco outras alternativas.
Ontem com Brasil 1 X 7 Alemanha, data histórica de um certo fiasco que entrou para a história, e hoje com o excelente show do Scorpions, que indico.

Sobre a aula, para concluir, por problemas técnicos de conexão, com a linha do professor, não teve.

Notebooks

Estive pesquisando ontem alguns notebooks, olhando daqui e dali, mas não encontrei o desejado, aquele de encher os olhos, eu antes olhava somente as configurações, mas hoje em dia leio muito os comentários, os prós e os contras, e confesso, antes eu sabia mais, mas hoje os conhecimentos não são os mesmos.
Tenho um Sony Vaio, até gostaria de outro, mas depois que a Sony saiu do Brasil, os Vaios começaram a serem montados por outra empresa brasileira, e não levo fé.
Busco um notebook com som potente, entre outros detalhes.
O Sony Vaio que eu tenho, tinha um som assim, até eu levá-lo para formatação, depois veio bem diferente, estranho, sem aquele som. O que o caracterizava para mim, além da marca.
Tenho certeza que se comprasse outro, não seria tão bom quanto o que comprei há anos atrás direto da Sony Store.
Saiu a Sony notebooks, saiu a Nikon, marcas poderosas que eu usava e admirava, provavelmente outras marcas, mas não sou bom de pesquisa para fazer aquele post, então vou seguir procurando, olhando os comentários, lendo um pouco mais sobre tecnologia para ver se compro o certo.
No momento duas são as marcas que venho olhando, para mim, Dell, em primeiro lugar, e Asus. Nunca tive nenhuma, mas encontrando a certa, e dependendo do preço, compro ou não. Não jogo, logo não me interesso por um computador para tal, mas aceitaria sugestões.
De preferência offboard, não mais onboard.

Cl16841 (Notebook)

 

Everton Cebolinha

Torci pelo Brasil, e muito, também, pelo Éverton, porque sou gremista, e queria que ele brilhasse, ele brilhou na seleção, aproveitou a chance dele, mas por outro lado ficou mais visível para o mundo, e possivelmente mais longe de permanecer no Grêmio, o clube do meu coração.
Com o futebol que vinha apresentando, jogando no Grêmio F.P.A. já estavam de olho nele, depois dessa passagem pela seleção, não somente os brasileiros como quem acompanhou a Copa América pode constatar, como disse o Galvão Bueno, que ele é sim O cara. O Grêmio teve um dos maiores ponteiros direitos de sua história, Renato Portaluppi, hoje técnico do Grêmio, e também teve Éder Aleixo, ponta esquerda, falando apenas do meu tricolor, dos que eu lembro agora, pois o Brasil teve outros muitos que deram o que falar em seus clubes, e agora numa época que os pontas são raros, surge um menino chamado Everton, apelido Cebolinha, e encanta quando joga, quando dribla, quando vai ao fundo e cruza, ou quando parte para cima do adversário sem tomar conhecimento e guarda a bola em seus chutes ou bolas colocadas na rede adversária.
E vi pela internet um site esportivo – nada contra o site e sua pesquisa – após o Tite convocar a seleção, com uma lista de qual jogador você trocaria, e muitos internautas arriscaram o nome do garoto do Grêmio. Pois é, esses torcedores não entendem nada de futebol.

Brasil campeão da Copa América 2019.

Dá-lhe Everton!!!

O jogo

Achei que o Brasil ia superar a boa seleção da Venezuela, porém me enganei, os venezuelanos jogaram bem, enquanto os brasileiros, que deveriam ter feito a lição de casa, nem tanto. Começaram pressionando, mas sem êxito.
E o Tite deveria ter tido coragem e ter saído jogando com Éverton, pois teria mais chances para buscar o resultado, e para ele ir para cima dos adversários, furar os bloqueios, mas sempre os mesmos jogadores, sempre os onze que estão em sua mente, joguem bem ou mal.
O povo pediu o Cebolinha, ele entrou e em pouco tempo correspondeu, mas parece que a seleção está torta com ele em campo, e não por culpa dele, mas dos outros selecionáveis.
O Éverton entra como solução dos problemas e para ir para cima dos adversários, mas o jogo do Brasil é sempre pela direita e centro, mesmo que povoado de adversários, e ninguém vê isso, e vez que outra chega uma bola boa na esquerda, ou ele vai buscar, pois é assim que eu vi as duas participações do Brasil na Copa América.
Contra a Bolívia precisou de um lance para mostrar o bom futebol que tem e que todo mundo conhece, e contra a Venezuela teve uma chance em campo, na única bola boa que chegou para ele, pela esquerda, mas não era à noite do Firmino, e o placar foi igual, e sem gols.

 

Hino à bandeira do Brasil

Escritor
Olavo Bilac

Cl16229 (Olavo Bilac)

Compositor
Francisco Braga

Cl16230 (Francisco Braga)

(Hino adotado em 1906)

Salve lindo pendão da esperança!
Salve símbolo augusto da paz!
Tua nobre presença à lembrança
A grandeza da Pátria nos traz

Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil
Querido símbolo da terra
Da amada terra do Brasil!

Em teu seio formoso retratas
Este céu de puríssimo azul
A verdura sem par destas matas
E o esplendor do Cruzeiro do Sul

Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil
Querido símbolo da terra
Da amada terra do Brasil!

Contemplando o teu vulto sagrado
Compreendemos o nosso dever
E o Brasil por seus filhos amado
Poderoso e feliz há de ser!

Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil
Querido símbolo da terra
Da amada terra do Brasil!

Sobre a imensa Nação Brasileira
Nos momentos de festa ou de dor
Paira sempre sagrada bandeira
Pavilhão da justiça e do amor!

Recebe o afeto que se encerra
Em nosso peito juvenil
Querido símbolo da terra
Da amada terra do Brasil!