Brasil e Rio Grande do Sul

Acabaram as eleições e Jair Bolsonaro, meu candidato, foi eleito presidente do Brasil. Parabéns para ele e para o país. Que Deus o abençoe, proteja, e dê forças para ele fazer um excelente governo.

Da mesma forma parabenizo Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul, e torço para que o jovem Eduardo leve o Rio Grande a seu lugar de destaque, e faça um excelente governo.

O país, o Rio Grande do Sul, precisavam mudar, agora é torcer para que o país e o meu estado tomem o rumo certo, porque como estava não dava mais.

bandeirars_rgsul

Anúncios

Os e-books de agosto e eu

Em agosto li seis e-books, todos listados abaixo, sendo o último do mês, de Agatha Christie, A Casa do Penhasco.
Andei lendo, também, pelo smartphone, já que baixei o aplicativo da Amazon, o e-book Onze Formigas, de Alec Baurer, mas descobri que se eu leio no e-reader, não aparece como lido no smartphone, o contrário também é verdadeiro, e minha preferência de leitura é pelo e-reader.

Os livros lidos

Malas, Memórias e Marshmallows
(Fernanda França)

O Deslize
(Vincento Hughes)

Morte Na Lua de Mel
(Jaden Skye)

Onze Formigas
(Alec Baurer)

Mas Tem Que Ser Mesmo Para Sempre?
(Sophie Kinsella)

A Casa do Penhasco
(Agatha Christie)

***

Estive em Porto Alegre com minha família, porque minha mãe precisou operar o fêmur, e passamos uma semana fora.
Lá fiquei longe do meu blog e de outros sites que no computador costumo usar com mais frequência, fiquei mesmo com o Instagram e o Facebook, por rede móvel, mas não gosto de usar a internet pelo smartphone, apesar de usá-lo, e gastar os braços, não tem a mesma facilidade de um computador e de tudo que ele pode oferecer para simplificar a vida do internauta, ou minha, e cheguei a lamentar em não levar o meu.

Ao estilo Agatha Christie

Estarei em Porto Alegre nessa segunda, minha mãe vai operar o fêmur e quero ter alguma coisa para poder me distrair no tempo que eu ficar por lá, que espero seja breve, e resolvi pesquisar alguns livros para baixar para o meu Kindle, de uma forma que eu nunca fiz antes, ou seja, do preço mais barato para o mais caro – Ordenar por: preço baixo a alto -, e assim os e-books gratuitos foram os primeiros a aparecer, e acabei comprando um e-book que parece bem bom, pela sinopse, Morte Na Lua de Mel, de Jaden Skye, e O Deslize, de Vincento Hughes, e este último livro baixei uma amostra para poder ver se ia gostar do livro ou não, e tanto gostei que acabei adquirindo, saiu por R$ 1,99, um bom preço para uma história ao estilo Agatha Christie. No momento que escrevo este post, já estou com 71% da leitura concluída. Ficam como minhas dicas.

Cl16020 (O Deslize, Vincento Hughes)

Evento

Ontem em Pelotas apresentou-se a Esquadrilha da Fumaça, pelo centésimo aniversário do 9º Batalhão de Infantaria Motorizada, e foi um povo na Praia do Laranjal, e uma grande apresentação dos ases do espaço.

Eu tirei algumas fotos, mas também por falta de equipamento, lente inclusive, e outras, nenhuma apresentável, mesmo assim, posto uma.

Esquad da Fumaca002

Eu e minha mãe amada fomos para a praia às 13h20 e só conseguimos retornar para a casa às 21h05. Tudo devido ao grande engarrafamento ao final do evento, para todo o lado um engarrafamento. Como não tínhamos como sair cedo resolvemos ficar na casa da praia, ali mesmo no Laranjal, e mesmo assim demoramos uma hora para chegarmos lá.

Não podemos depender apenas de uma estrada, precisamos de outras vias a serem construídas, mas quando tentaram, no passado, o meio ambiente vetou. Inacreditável, não é?

Oi!

Terminei a minha primeira leitura de abril, Restos Humanos, de Elizabeth Haynes. O livro começou chato, mas do meio para o fim mudou, ficou melhor, e de certa forma o suspense melhorou. Sinopse aqui.

Cl15879 (e-book Restos Humanos)

Ia tentar escrever algo sobre a história, mas poderia deixar alguma dica, e preferi deixar a sinopse oficial.

***

E o meu Grêmio voltou a conquistar o Campeonato Gaúcho 2018, vencendo o valente Grêmio Esportivo Brasil, mais conhecido por Xavante, no Bento Freitas, pelo placar  de três a zero. O primeiro jogo na Arena deu Grêmio 4 X 0 Brasil, e na Baixada, em Pelotas, Brasil 0 X 3 Grêmio. No agregado sete a zero. E com isto o segundo título em dois disputados em 2018.
Dá-lhe Grêmio!!

Foto da capa da internet.

 

 

 

Carnaval

Não vou a baile de carnaval, salão, há muito tempo, porque na rua hoje em dia acho perigoso, muito perigoso, e na falta de uma companhia me afastei dessa festa, mas no fundo sempre gostei da alegria, das músicas, mas foi-se aquele tempo, hoje ouço em alto e bom som a bateria de alguma escola, provavelmente a General Telles preparando-se para o carnaval de Pelotas, mas como aqui a festa do povo começa antes, não oficialmente, e  termina depois, pode ser algum grupo passando em algum lugar, não sei, mas acredito que não, só não afirmo.
Acredito que seja a escola, a Telles.

***

Comecei minhas leituras de fevereiro sem aquele entusiasmo todo de 2017, e pensando em reler um e-book de BDSM lido em 2016, levar dois ao mesmo tempo. Já fiz isso uma vez, e talvez dê para fazer outra, já que são histórias diferentes.

O livro que estou lendo agora é O Gabinete Paralelo (Sombras de Londres, Vol. 3), já havia lido os dois primeiros, O Nome da Estrela (Sombras de Londres, Vol 1), e No Limite da Loucura (Sombras de Londres, Vol. 2), de Maureen Johnson. Resenha aqui. Agora seguindo com a sequência.

Cl15796 (O Gabinete Paralelo - Sombras de Londres, Vol. 3 - Maureen Johnson)

Pensando em reler O Diário de Uma Submissa, de Sophie Morgan, e-book lido em nov/2016, e teve sequência, Um Amor Submisso, e como curiosidade foi lido em fev/2017. Apesar de ter outros livros aqui comigo, querendo reler um, este, então vamos ver se sai essa leitura, outra vez, ou não.

***

Fotos da internet.

 

Janeiro

Praticamente chegando o final de janeiro, vem sendo corrido, e para nós, em razão da saúde, pouco foi aproveitado.
Quanto ao livro que eu estava lendo, parei. Parei em função do desconforto no olho, mínimo, e também pelo livro não empolgar, até agora, já do computador não parei em momento nenhum.
O livro é A Noite dos Casacos Vermelhos, de Rey Vinas.
De 2016 para cá, não acabo janeiro com menos de quatro livros, será este?
Agora aguardo o resultado do exame feito nesta terça-feira para seguir, junto a oftalmologista, investigando.
Na internet venho usando muito o Pinterest, já os outros programas ficaram meio de lado. Quanto ao blog venho tentando deixar um post por dia, às vezes sem saber o que escrever, aí recorro ao que der, ao que vier a mente naquele momento. Sempre com posts programados.

Quanto ao clima, aqui no sul, cada dia que passa está mais quente, salvo exceções. Para quem está na praia, é o verão perfeito.

Imagens da internet.

Cl15738 (Pinterest)

Verão e os sorvetes

O que eu mais gosto de comer de ano para ano, e compro sempre, principalmente quando chega o verão, é sorvete, e sorvete da Tamaju, e os sabores preferidos são Brigadeiro e Africano, sendo que deste o meu preferido é morango e chocolate, mas também já comi creme e chocolate.

Cl15649 (Brigadeiro - Tamaju)

Cl15650 (Africano - Tamaju)

Tricampeão da América

Ontem estive muito tenso, sempre fui assim, principalmente quando o assunto é o Grêmio e alguma decisão. Foi assim em 1977, tinha 17 anos, quando não conseguia tomar uma guaraná, o líquido parecia uma pedra, não passava na garganta, a decisão era pelo campeonato gaúcho, o jogo era um Grenal, e o Grêmio venceu com gol de André, mas não consegui chegar até ao final tamanho nervosismo. Dali muitos outros títulos, inclusive um campeonato do mundo, em 1983.  E ontem, antes do jogo, eu estava uma pilha, pelo menos a partir das 18h, quando comecei a focar no jogo. Eu só não esperava um passeio do Grêmio em plena Argentina, principalmente com Arthur no primeiro tempo. Foi um jogão, dois gols marcados, golaços, Fernandinho e Luan, e podia ter sido mais, já no segundo tempo eu me enervei mais, a tensão voltou, eles descontaram e ainda o tricolor teve o Ramiro expulso, mas conforme se aproximava o final fui começando a relaxar, e depois foi só vibração e muita festa.

No dia 16/12 faço aniversário, será que o presente será o planeta? Quem sabe, mas para isso o Grêmio tem um outro jogo pela frente e a tensão como a torcida será enorme. Vamos esperar!

114

Parabéns Grêmio Foot-ball Porto Alegrense pela passagem de seu 114º aniversário, nessa data, 15/09/2017, 114 anos de muita emoção e torcida. Minha paixão azul, branca e preta.

Hino do Grêmio
(Lupicínio Rodrigues)

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

50 anos de glória
Tens imortal tricolor
Os feitos da tua história
Canta o Rio Grande com amor

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Nós como bons torcedores
Sem hesitarmos sequer
Aplaudiremos o Grêmio
Aonde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Bandeira do Gremio Tremulando

Pelotas, 205 anos

Minha cidade Pelotas, conhecida também como Princesa do Sul, comemora hoje, nesta data, 07/07/2017, 205 anos.
Parabéns Pelotas!

Pelotas

Pelotas é um município da região sul do estado do Rio Grande do Sul, no Brasil. Considerado uma das capitais regionais do Brasil, possui uma população de 343.651 habitantes e é a terceira cidade mais populosa do estado.

Está localizado às margens do Canal São Gonçalo que liga as Lagoas dos Patos e Mirim, as maiores do Brasil, no estado do Rio Grande do Sul, no extremo sul do Brasil, ocupando uma área de 1 609 km² e com cerca de 92% da população total residindo na zona urbana do município. Pelotas está localizada a 261 quilômetros de Porto Alegre, a capital do estado.

História

A Freguesia de São Francisco de Paula, fundada em 7 de Julho de 1812 por iniciativa do padre Pedro Pereira de Mesquita, foi elevada à categoria de Vila em 7 de abril de 1832. Três anos depois, em 1835, a Vila é elevada à condição de cidade, com o nome de Pelotas.

Fonte: Wikipedia

Benefícios do SUP

Pesquisando aqui na internet, encontrei o site Tua Saúde, e eis os benefícios do Stand Up Paddle (SUP).

01.Melhora o equilíbrio
02.Desenvolve todos os músculos
03.Ajuda a emagrecer
04.Alivia as dores articulares
05.Reduz o estresse
06.Melhora a saúde do coração

Entrem no site para ver o que dizem sobre esses benefícios.

Cl15338 (Stand Up Paddle)

Não vejo a hora de fazer uma aula e tentar me aventurar na calma Lagoa dos Patos aqui na praia do Laranjal. Internet para mim, ultimamente, é somente o mundo SUP, e curtindo pelo menos uma vez eu posso dizer se gostei, era isso mesmo, e quero continuar, ou se para mim não deu, mas eu tentei, mas uma aula vai sair, o ruim que aqui no sul, nessa época, não temos mais o verão, e não queria encarar uma lagoa fria, nem me arriscar a comprar material antes de afirmar se quero ou não fazer do Stand Up Paddle o meu esporte prazeroso.

Lagoa recuada

Ainda na praia, e ontem, mais uma vez, fui até o Trapiche, e para a minha surpresa, já que ao vivo eu nunca tinha visto, vi a lagoa recuada, e bem recuada, foi-se a água, então desci, como outros que estavam lá e fiz minhas fotos, que deixo abaixo, assim como a da capa.

Fotos postadas no Instagram, Facebook e algumas no Twitter, e tiradas com um smartphone Motorola XT 1069.

A água já voltou ao normal hoje. Ontem uma cara, hoje outra, mas essa é a beleza da natureza.

Trapiche26.04.17_002Trapiche26.04.17_003Trapiche26.04.17_004Trapiche26.04.17_006

Estou afastado do meu blog e do de vocês porque meu computador não está dos melhores, assim que o arrumar, voltarei. Não esqueçam o meu blog.

Para Pedro

Toda a música conta um pedacinho de cada um de nós, não é isso? Então deixo a letra e o link para o letras.mus.

Para Pedro
José Mendes

Era um baile lá na serra na fazenda da Ramada
Foi por lá que um tal de Pedro se chegou de madrugada
Só escutei um zum zum, mas não sabia de nada
Só ouvia mulher gritando: “Este Pedro é uma parada”

Para Pedro, Pedro para
Para Pedro, Pedro Para
Pedro Para, Para Pedro
Para Pedro, Pedro Para
Era o Pedro lá num canto beliscando a namorada
Para Pedro, Pedro para
Para Pedro, Pedro Para
Pedro Para, Para Pedro
Para Pedro, Pedro Para

Quando foi lá pelas tantas que a farra estava animada
Apagaram o lampião e a bagunça formada
As velhas se revoltaram, Pedroca não é de nada
E o Pedro brigou com as velhas e deu uma peleia danada

Para Pedro, Pedro para
Para Pedro, Pedro Para
Pedro Para, Para Pedro
Para Pedro, Pedro Para
Fazia cócega nas velhas e as velhas davam risada
Para Pedro, Pedro para
Para Pedro, Pedro Para
Pedro Para, Para Pedro
Para Pedro, Pedro Para

Pedro foi dançar um xote com uma velha apaixonada
E surgiu o velho da velha e a coisa foi complicada
Pedro correu pelos fundos e entrou numa porta errada
As moças levaram um susto e gritavam desesperadas

Para Pedro, Pedro para
Para Pedro, Pedro Para
Pedro Para, Para Pedro
Para Pedro, Pedro Para
Velha grudada no Pedro e o velho no Pedro agarrado
Para Pedro, Pedro para
Para Pedro, Pedro Para
Pedro Para, Para Pedro
Para Pedro, Pedro Para
E assim foi a noite inteira até o fim da madrugada
Para Pedro, Pedro para
Para Pedro, Pedro Para
Pedro Para, Para Pedro
Para Pedro, Pedro Para

Cl15229 (Jose Mendes - Para Pedro)
(José Mendes)

Uma foto

Laranjal001

Hoje aqui no Trapiche, Laranjal – Pelotas/RS, e em minhas fotos no local, seja pelo smartphone ou pela Nikon, foto acima, sempre aparece um cão, e hoje tinha muitos.
Pena que o Trapiche segue “abandonado”, e com acesso proibido, e que algum grupo de pessoas insiste em destruí-lo, claro que não as pessoas de bem que vão nele pelo ponto turístico, encontro e fotos.
Queria tirar outras fotos, mas como gostaria não dava, outras pessoas apareciam no foco, que acabei deixando, retorno num momento mais light, talvez à tarde.
Com calma e em outras saídas para fotografar, escolho a foto da capa.

Registro

Tem alguns posts que vão ser apenas registro de datas, dia e mês de livros lidos, e recebi o livro da Saraiva, Só Com o Olhar, de Julie Leto no dia 16/03 e o li pelos dias 16, 17 e madrugada do dia 18/03.
Uma ótima resenha da Viviane Ebuliani do blog Egocêntrico Caracol. Visitem-no!

***

O frio chegou aqui no sul, em março de 2016 foi muito frio e chuva, agora frio, e tem algumas partes do dia boas, falando em temperatura, mas no começo e final decepciona. Lembro dos bons marços passados quando veraneava na Praia do Cassino, calor do começo ao fim, mas o tempo está mudando.

***

Justificar Texto

A figurinha acima do Justificar o texto foi tirada do WP e passada para o novo editor do blog, meus textos são sempre justificados, acho feio demais alinhamento à esquerda (ou à direita), centralizado só para uma letra de música ou foto/vídeo, e considero uma “azeitoninha” a tirada do justificar, podiam ter tirado tantas coisas, mas esta só pode ter sido uma piada, devia pesar muito mesmo para a retirada do modo de edição antigo, ainda bem que está no novo modo. Outra coisa, nem a tag

está sendo aceita no modo HTML do modo de edição antigo. Uma mudança muito ruim para quem usa, e eu uso sempre.

Azul e verde

Foto tirada pelo Smartphone Motorola um dia desses, aqui na praia do Laranjal, no Trapiche, lugar da foto, e postada no meu Instagram, e posteriormente compartilhada no meu Facebook. Então resolvi deixar aqui também. Gostei do jogo das cores e da foto em si.

azul-e-verde-trapiche

Carnaval, marchinhas

Eu frequentei o carnaval, os bailes de salão, ia em grupo com os amigos, a gente se divertia, mas as pessoas seguiram seus cursos, e os poucos que ficaram, assim como eu, se afastaram do carnaval, e ir sozinho apenas para passear não, que acabei me afastando, hoje fico longe, mas do carnaval apenas a lembrança das marchinhas carnavalescas, da alegria daquele povo pulando nos salões, e de algumas lembranças pessoais, além da idade da época.

Fica um vídeo abaixo das melhores músicas dos bons carnavais, e lembre, seja onde você vá pular, vá com calma, porque carnaval é festa e alegria, e nada mais. É isto aí!

cl15080-carnaval

Veja este outro post:
Recordar é viver

Livros 2017

Imperfeitos

Depois de algum tempo, e poucas dicas, uma nova lista de livros para este ano, alguns que não encontro por aqui, Pelotas, e que vou ter que recorrer à internet, talvez pelo Lev, que não me inspira mais como antes, pelos problemas do aparelho ou dos arquivos baixados.

Os livros lidos pelo Lev só comprando através da internet, já que o aparelho não consegue mais realizar compras, deu um erro, entrei em contato com eles, por e-mail, e nunca foi solucionado como outros problemas que tive com ele. Pelo menos ainda lendo.

Os livros

Uma Espiã No Meu Passado
A Irmã da Tempestade

(Lucinda Riley)

O Garoto da Casa Ao Lado

(Meg Cabot)

A Garota de Papel

(Guillaume Musso)

Imperfeitos

(Cecilia Ahern)

Entre A Ruína E A Paixão

(Sarah MacLean)

A Coleira

(Nana Pauvolih)

Traição Em Família

(David Baldacci)

*Só Com O Olhar

(Julie Leto)

Seis Anos Depois

(Harlan Coben)

As Jóias de Manhattan

(Carmen Reid)

A Caçadora – O Mundo da Noite Vol. 4

(L.J.Smith)

É Agora Ou Nunca

(Marian Keys)

Lev

*Deliciosa Lição

(Pri Ferraz)

*Um Amor Submisso

(Sophie Morgan)

*A Promessa

(Harlan Coben)

*Replay

(Marc Levy)

*lidos

Não sei porque todo o livro que custa pouco, inferior a dez reais, vem com erros no download.
Este vem com 837 páginas, e o livro impresso 421, ou seja, mesmo que o Lev tenha páginas a mais, e tem mesmo, de 421 para 837 é quase o dobro, e o livro em questão, na apresentação, tem páginas saltadas.
Espero que seja só isto!

cl15062-deliciosa-licao

Algumas fotos do Motorola

Algumas fotos que eu tirei aqui na praia, do meu smartphone Motorola, e que foram postadas no Instagram, umas, e outras no Facebook.

manequim

lustre

reflexolagoa

verderosa

flor-nao-sei-qual

A foto abaixo foi tirada ano passado em Porto Alegre, num dia abaixo de chuva, tirada do interior do carro, mas eu acho que ficou legal.

poachuva

 

 

 

Um fim de tarde

Aqui na praia nós não temos pôr do sol, mas temos um fim de tarde bem legal, e sempre chega a uma determinada hora que me chama muito a atenção, principalmente quando o sol, o azul do céu e o verde das árvores se manifestam por si só, do meu ângulo de ver as coisas, e não sei explicar, é algo pessoal.

Simplesmente há um momento que da janela da minha casa eu fico maravilhado. Hoje tentei captar o momento pelas lentes do meu smartphone, mas nunca é a mesma coisa, ou por estar em obras, o momento a ser fotografado ficará para outra oportunidade.

Adoro quando acordo com o canto do Sabiá e outros pássaros, não fosse pelo som do mundo moderno, o barulho dos carros, e eu diria que moro numa floresta.

Algumas linhas

Estou na praia, começo de veraneio, fazendo o deck da piscina e como de praxe lendo, é claro, e cheguei a pensar em devolver o livro Loney, de Andrew Michael Hurley, depois de duas resenhas contrárias que encontrei na internet e deixei em link neste post, mas mesmo sem vontade de ler resolvi lê-lo, e estou pelo capítulo dez, por aí.

Tem um velho ditado que diz que quando chove na primeira terça do mês chove o mês inteiro, pois é, choveu na primeira terça e vem chovendo nestes dias, mas alternando com alguns dias de sol e muito calor, calor acima de trinta graus. Fui obrigado a colocar um split aqui em casa, mas foi um parto colocá-lo, não gostei nada do trabalho do profissional, mas está funcionando depois de um pequeno inconveniente, e é o que importa.

Apenas um post do tipo diário, uma atualização.

O hino tricolor, Lupicínio Rodrigues

Hino do Grêmio
Lupicínio Rodrigues

cl14913-lupicinio-rodrigues

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

50 anos de glória
Tens imortal tricolor
Os feitos da tua história
Canta o Rio Grande com amor

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Nós como bons torcedores
Sem hesitarmos sequer
Aplaudiremos o Grêmio
Aonde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo é que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Letra.mus

cl14914-lupicinio-rodrigues

O Hino

Tudo Aquilo Que Nunca Foi Dito

A história conta a viagem de um pai e de uma filha juntos e tudo o que eles não disseram um ao outro ao longo de suas vidas, eu gostei, só achei complicado em alguns pontos, mas não atrapalhou o meu entendimento da leitura, e lá pelo meio dela eu percebi algo com o pai, que se concretizou ao final em uma de suas últimas cenas.

Acho que pela data foi o meu último livro lido desse ano, e ainda tenho o livro Uma Saga Na Toscana, mas que fica para o ano que vem, jan/2017.

Quando sumo é porque assumo outra direção, a dos meus livros, seja impresso, como A Mulher Enjaulada (Jussi Adler-Olsen) ou pelo e-reader, com Tudo Aquilo Que Nunca Foi Dito (Marc Levy).

***

Aqui na praia do Laranjal desde a véspera do Natal com falta de água, uns fazendo de tudo para atrair o turismo e outros para expulsá-los, e só vem desculpas dos órgãos (ir)responsáveis com os cidadãos que pagam suas taxas, dá vontade de suspender o pagamento, sinceramente.

***

E começou a semana com chuva e não para de molhar, que janeiro seja um mês de sol, mas pelo que vi na  previsão da próxima semana, não sei, que eu não seja tão pessimista.

Poucas linhas, um post.