Filmes do domingo

Vi dois filmes nesse domingo que me chamaram muito a atenção, Milagres do Paraíso e Invasores: Nenhum Sistema Está Salvo. Gostei mais do primeiro, pois tocou mais.

Cl16160a (Milagres do Paraiso)Milagres do Paraíso

Cl16161 (Invasores, Nenhum Sistema Está Salvo)Invasores: Nenhum Sistema Está Salvo

E depois fiquei trocando de canal em busca de algo bom, mas não fui muito além desses dois filmes.

***

Anúncios

A vida é assim…

Estava olhando o meu Tumblr, ainda no ar, e passei por essa mensagem do Guimarães Rosa, então meu post de hoje.

MensagemGR

***

Em espanhol

Comecei à noite olhando o meu blog, sempre é ele, depois passei para o Skoob, mexi nele um pouco, vi os livros, os meus e os de outros, assim como convidei novos leitores, e dali para a Amazon foi um pulo, por outras razões, e resolvi comprar dois e-books em espanhol, mas se vou conseguir entender é outra história, apenas comprei para ver como me saio em outra linguagem, porque o que sei de espanhol é quase nada, então vou me aventurar por outras linhas. Vale a tentativa.
Bem que eu gostaria que fossem livros impressos.

 

Domina el Español a Través de la Lectura: De Elemental a Intermedio
David Michaels

Clickbait
Sonia Martínez Martín

Cl16150 (Espanhol)

Tentando.
Então vamos em frente, e entre um livro e outro, tentar aprender, só não quero acabar colocando estes livros entre as leituras abandonadas.

***

Imagens da internet.

Leituras

Bem, comecei minhas leituras de novembro, e meu primeiro e-book, que eu já li, foi A Mentira, de Nora Roberts.

Cl16082 (A Mentira, Nora Roberts)

A leitura me prendeu do começo ao fim, e o que eu imaginava – já havia lido um livro semelhante, porém de outra autora, há alguns anos atrás – aconteceu. Passa o tempo, ou não, e os temas se repetem, mas o e-book foi muito bom. Já há alguns anos atrás li, um livro de Barbara Delinsky, Uma Mulher Traída.

A Mentira também é por aí, uma mulher enganada pelo marido e que fica com uma dívida nas mãos. O resto fica com quem comprar o livro para desvendá-lo, ou com as resenhas pela internet.

Meu segundo e-book, este comecei hoje, ainda no começo, vem sendo O Colecionador de Memórias, de Cecelia Ahern, e pelo começo não venho gostando, mas começos são começos. Sempre quis lê-lo, e o venho fazendo.

Cl16114 (O colecionador de memórias, Cecilia Ahern)

***

Imagens da internet.

Séries

Ontem estava assistindo Hawaii Five-0, Temporada 2, episódio 21, não vi quando começou a série, e venho assistindo agora na teve a cabo, e o crime que os investigadores de Hawaai Five-0 investigavam era um caso da NCIS Los Angeles, e estes são convidados a participarem da investigação, é sobre um vírus mortal, mas o caso ficou em aberto e vai  haver continuação, mas segue agora pela série NCIS Los Angeles.
O canal que assisto essas séries é o AXN.
Acho essa interação muito legal, e também ajuda a divulgar as séries que estão começando, começando em um canal e há muitas temporadas em outro.
E bem que a televisão brasileira poderia também adotar algo assim em suas novelas, mas ficam sempre com o trivial.

Cl16122a (Hawaii Five-0)
Hawaii Five-0

***

Imagens da internet.

***

Ultimamente com minhas velhas dores da L.E.R., lesão de esforço repetitivo, cotovelo esquerdo, que dei uma parada por aqui, mas fiz este post porque não quis deixar passar em branco o assunto.

Extreme Ways

Do filme O Ultimato Bourne, com o ator Matt Damon. E vi todos com a participação dele.

Extreme Ways
(Moby)

Extreme ways are back again
Extreme places I didn’t know
I broke everything new again
Everything that I’d owned
I threw it out the windows, came along
Extreme ways I know move apart The colors of my sea
Perfect color me
Extreme ways that help me
That help me out late at night
Extreme places I had gone
But never seen any light
Dirty basements, dirty noise
Dirty places coming through
Extreme worlds alone
Did you ever like it then
I would stand in line for this
There’s always room in life for this
Oh baby, oh baby
Then it fell apart, it fell apart
Oh baby, oh baby
Then it fell apart, it fell apart
Extreme songs that told me
They helped me down every night
I didn’t have much to say
I didn’t get above the light
I closed my eyes and closed myself
And closed my world and never opened
Up to anything
That could get me along
I had to close down everything
I had to close down my mind
Too many things to cover me
Too much can make me blind
I’ve seen so much in so many places
So many heartaches, so many faces
So many dirty things
You couldn’t even believe
I would stand in line for this
It’s always good in life for this
Oh baby, oh baby
Then it fell apart, it fell apart
All day, all day
Then it fell apart, it fell apart
(Falling apart)
It’s a Monday morning, it’s everywhere
Oh no I can’t
All day, all day
Then it fell apart, it fell apart
All day, all day
Then it fell apart, it fell apart
All day, all day
Then it fell apart, it fell apart
All day, all day
Like it always does, always does

 

 

Runaway

Runaway
(Del Shannon)

As I walk along I wonder
what went wrong with our love
a love that was so strong
And as I still walk on I think of
the things we’ve done together
while our hearts were young

I’m a-walkin’ in the rain
tears are fallin’ and I feel the pain
Wishin’ you were here by me
to end this misery
And I wonder, I wo-wo-wo-wo-wonder
Why, why-why-why-why-why she ran away
And I wonder, where she will stay
My little runaway, run-run-run-run runaway

Cl16099 (Del Shannon - Runaway)

Que e-book, que história!

Li o livro digital Tudo Aquilo Que Eu Não Disse: Duas garotas. Uma carta., de Kathryn Hughes, simplesmente fantástico, já que não escrevo resenha, deixo a sinopse que se encontra na internet.

A vida da doce Tina Craig parece estar destinada a mesmice dos anos 70: ela vive presa em um casamento infeliz com um marido problemático. Isso desafia Tina a unir todas as suas forças para sair desse abismo e finalmente conquistar a paz de espírito que ela tanto quer. Seu destino toma um rumo diferente quando ela encontra uma carta escrita em setembro de 1939. A carta, que nunca chegou ao destino certo, lhe traz uma nova esperança, um alento para o seu coração tão maltratado. Tudo muda de figura quando a vida de Tina se choca com os destinos do casal Billy e Chrissie, trazendo William, um jovem em busca de sua mãe biológica, para sua jornada por conta de um mero acaso.

Uma história tão maravilhosa que vale a pena conferir, se é que você gosta de um bom livro, um bom romance. Minha dica!

De alguma forma o livro lido me lembra do filme Cartas Para Julieta, com Amanda Seyfried.

Cinco livros, 3 e 2

Terminei hoje o quinto livro do mês, achava que não tinha mais condições de começar um livro nesse mês, venho cansando, mas completei a leitura de Após A Tempestade, de Karen White, o livro número 50 do ano, e meu post 500. Um livro com duas mulheres, Julie e Aimee, e a história delas e de suas famílias.
Queria ler esse livro há muito tempo, mas nunca comprava, até que o fiz, e gostei muito.
Cinco livros, 3 e 2, significa três livros impressos e dois e-books, apenas um título, mas o post com os  livros lidos vem dentro de dois dias. É isso.

 

Listen To Your Heart

Listen To Your Heart
(Roxette)

I know there’s something in the wake of your smile
I get a notion from the look in your eyes, yea
You’ve built a love, but that love falls apart
Your little piece of heaven turns to dark

Listen to your heart
When he’s calling for you
Listen to your heart
There’s nothing else you can do
I don’t know where you’re going
And I don’t know why
But listen to your heart
Before you tell him goodbye

Sometimes you wonder if this fight is worthwhile
The precious moments are all lost in the tide, yea
They’re swept away and nothing is what is seems
The feeling of belonging to your dreams

Listen to your heart
When he’s calling for you
Listen to your heart

There’s nothing else you can do
I don’t know where you’re going
And I don’t know why
But listen to your heart
Before you tell him goodbye

And there are voices
That want to be heard
So much to mention
But you can’t find the words
The scent of magic
The beauty that’s been
When love was wilder than the wind

Listen to your heart
Take a listen to it
When he’s calling for you
Listen to your heart
Take a listen to it
There’s nothing else you can do
I don’t know where you’re going
And I don’t know why
But listen to your heart
Before

Listen to your heart!
Take a listen to it
When he’s calling for you
Listen to your heart!
Take a listen to it
There’s nothing else you can do
I don’t know where you’re going
And I don’t know why
But listen to your heart
Before you tell him goodbye

(Listen to your heart)
(Listen to your heart)
Take a listen to it, heart!
(Listen to your heart)
Take it, take a listen to it, yeah!
(Listen to your heart)
(Listen to your heart)
Heart! Heart!
(Listen to your heart)
Heart! Heart!
(Listen to your heart)
Heart! Heart!
(Listen to your heart)
Heart! Heart!
(Listen to your heart)
Heart! Heart!
(Listen to your heart)
Heart! Heart!

Cl16095 (Roxette)

***

Fotos da internet.

Bryan Adams

Passa o tempo, mas continua linda essa música do Bryan Adams, motivo que reproduzo aqui.

Everything I Do, I Do It For You
(Bryan Adams)

Cl16087 (Bryan Adams)

Look into my eyes
You will see
What you mean to me
Search your heart
Search your soul
And when you find me there, you’ll search no more
Don’t tell me it’s not worth tryin’ for
You can’t tell me it’s not worth dyin’ for
You know it’s true
Everything I do
I do it for you
Look into your heart
You will find
There’s nothin’ there to hide
Take me as I am
Take my life
I would give it all, I would sacrifice
Don’t tell me it’s not worth fightin’ for
I can’t help it, there’s nothin’ I want more
You know it’s true
Everything I do
I do it for you
There’s no love
Like your love
And no other
Could give more love
There’s nowhere
Unless you’re there
All the time
All the way, yeah
Look into your heart, baby
Oh your can’t tell me it’s not worth tryin’ for
I can’t help it there’s nothin’ I want more
Yeah, I would fight for you
I lie for you
Walk the wire for you, yeah, I’d die for you
You know it’s true
Everything I do
Oh
I do it for you
Everything I do, darling
And we’ll see it through
Oh we’ll see it through
Oh yeah
Yeah
Look into your heart
You can’t tell me it ain’t worth dying for
Oh yeah
I’ll be there, yeah
I’ll walk the wire for you
I will die for you
Oh yeah
I would die for you
I’m going all the way, all they way, yeah

Cl16091 (Bryan Adams)

Os e-books

Comprei três e-books esta noite, um de uma autora que nunca havia comprado, o segundo já esteve em muitas listas, principalmente no meu começo, e o último que sempre dava uma olhada na sinopse, mas que nunca me decidia, respectivamente A Mentira, de Nora Roberts, finalmente comprei o primeiro livro dela, custou e como custou, mas enfim saiu, e vou lê-lo após quase três anos lendo e-books, Após A Tempestade, de Karen White, e Procura-se Um Marido, de Carina Rissi, e claro, este e-book também esteve em listas anteriores, e passa a ser meu quarto e-book da Carina.

A lista dos livros que tenho por ler em meu Kindle Paperwhite para os próximos dias é, O Homem do Deserto, de Lídia Craveiro; Perto O Bastante Para Tocar, de Colleen Oakley; Gritos No Silêncio, de Angela Marsons; Segredos de Família, de Lisa Wingate; A Mentira, de Nora Roberts; Após A Tempestade, de Karen White; e Procura-se Um Marido, de Carina Rissi. E dessa lista de sete livros, até agora, o primeiro a ler será O Homem do Deserto. Há muito também passando os olhos por esta sinopse, mas agora possuo o e-book.

Cl16086 (O Homem do Deserto)

Aeroporto de St. Maarten

Eu sempre olhava determinadas fotos, pela internet, e achava que fossem montagens, sério, até que pelo YouTube, onde venho vendo muitos vídeos, e variados, percebi que era bem real.  O meu post de hoje trata-se do Princess Juliana International Airport, localizado na ilha de St. Maarten, no Caribe, e as fotos falam por si, assim como os muitos vídeos existentes na rede social.

Essa minha procura por vídeos começou com a procura, na internet, pela primeira temporada da série Hawaii 5-0, que não encontrei, e estendeu-se por muitos outros, e os que achei mais interessantes vou postando aqui, ou deixando em fotos, como nesse post.

Cl16029 (Aeroporto de St. Maarten, Caribe)

Cl16042a (Aeroporto de St. Maarten, Caribe)

Incrível, não é, mas também muito perigoso para quem não obedecer o cartaz, que está aí como um alerta, mas a maior parte das pessoas ficam no local para fazer as melhores fotos e até vídeos.

Cl16048 (Saint Maarten, Caribe)Saint Maarten, Caribe

 

***

Fotos da internet.

Memória

Um jogo que venho jogando bastante na internet, aqui no Racha Cuca. Memória um pouco cansada, jogo aberto e jogando muito, me ajuda, e entre um site e outro, abas que ficam abertas no meu computador, descanso jogando.

Não gosto de jogos, mas esse venho jogando bastante. Esse, e às vezes Paciência Spider, já joguei Problemas de Lógica, e até Palavras Cruzadas, tudo por esse site. Apenas uma dica!

Memória

Jogo da Memória (Racha-Cuca)

Jogo da Memória (Racha-Cuca)02

Figuras iguais desaparecem, e vão eliminando os quadrados.

***

Foto da capa da internet.

Séries

Estava pesquisando pela internet o Netflix para saber quais séries passam lá, e por cima vi a lista de 40 delas, depois 50, e nenhuma das que eu gosto, estava com várias abas abertas sobre o site, fechei todas, me cadastrar para não ver o que eu gosto, ou que não conheço, mesmo tendo um período gratuito, não. Viria pelas séries que vejo na televisão a cabo, algumas, não por este monte de séries que não tenho interesse, respeitando quem tenha.

Cl16074 (Hawaii 5-0)

Sempre dei preferência por filmes, é rápido, tem começo, meio e fim, e um tempo mais ou menos certo, 90, 120 minutos, um pouco mais, mas no começo, na Net, por seis temporadas assisti Criminal Minds, ainda vejo alguns episódios antigos, como novos, e acompanhei também a mudança dos vários artistas que estiveram nela.

Cl16077 (Criminal Minds)

Olhando aqui o Crackle, apenas me inteirando, e nele tem muitas das séries que eu quero acompanhar. Vamos ver se vale à pena.

 

Entre livros e e-books

A minha relação de livros lidos da autora Sophie Kinsella, até agora, livros que comecei com O Segredo de Emma Corrigan, impresso, e daí muitos outros. No momento lendo “Mas Tem Que Ser Mesmo Para Sempre?“.

Menina de Vinte
(Sophie Kinsella)

O Segredo de Emma Corrigan
(Sophie Kinsella)

A Lua de Mel
(Sophie Kinsella)

Samantha Sweet: Executiva do Lar
(Sophie Kinsella)

Lembra de Mim?
(Sophie Kinsella)

Minha Vida (Não Tão) Perfeita
(Sophie Kinsella)

Mas Tem Que Ser Mesmo Para Sempre?
(Sophie Kinsella)

Cl16024 (Mas tem que ser mesmo para sempre PG)

Ao estilo Agatha Christie

Estarei em Porto Alegre nessa segunda, minha mãe vai operar o fêmur e quero ter alguma coisa para poder me distrair no tempo que eu ficar por lá, que espero seja breve, e resolvi pesquisar alguns livros para baixar para o meu Kindle, de uma forma que eu nunca fiz antes, ou seja, do preço mais barato para o mais caro – Ordenar por: preço baixo a alto -, e assim os e-books gratuitos foram os primeiros a aparecer, e acabei comprando um e-book que parece bem bom, pela sinopse, Morte Na Lua de Mel, de Jaden Skye, e O Deslize, de Vincento Hughes, e este último livro baixei uma amostra para poder ver se ia gostar do livro ou não, e tanto gostei que acabei adquirindo, saiu por R$ 1,99, um bom preço para uma história ao estilo Agatha Christie. No momento que escrevo este post, já estou com 71% da leitura concluída. Ficam como minhas dicas.

Cl16020 (O Deslize, Vincento Hughes)

Lente

Tenho uma câmera Nikon D 3200 que veio com uma lente básica 18-55 mm. Com o tempo adquiri a 50 mm, a lente, e nesses dias acabei comprando uma lente de zoom, a 55-300 mm, ou mais especificamente a Lente Nikon 55-300mm F4.5-5.6g Ed Af-s Dx VR. Estou contente, e espero usar muito, e perder este medo bobo que eu tenho de fazer fotos em público, inexplicável, mas que não consigo vencer, e com isso acabo perdendo registros que gostaria de fazer.

Cl16020 (Lente Nikon 55-300mm F4.5-5.6g Ed Af-s Dx Vr )

Gostaria de sair em grupo, sei que tem grupos que saem juntos, até para um proteger o outro assim como o material, e me sentiria mais seguro, mas pensando em formar um, com amigos, e sair  a caça das fotos.

França

E ganhou a França, muito mais conjunto, bola, craques, e também mais descansada, além é claro da ajudinha da arbitragem no primeiro gol, já a Croácia jogou a alma, e jogou muita bola nessa copa. Da repescagem das eliminatórias para um vice-campeonato mundial. Parabéns aos Bleus e aos Croatas, pois chegaram lá, um conquistando o mundial, o outro encantando o mundo.

Agora é 2022, e eu espero que em termos de seleção brasileira tenhamos um selecionado forte, com conjunto e craques, porque não levamos nenhum, não me falem em Neymar, joga bem, mas para mim não é o craque esperado, e o que é craque para mim? Pelé, Zico, Rivelino, Falcão, Rivaldo, Romário, Ronaldo e Ronaldinho, Branco e outros.
Do passado, eu sei, mas estes que estiveram na Rússia, não. Bons jogadores sim, muitos estarão de volta no Catar, mas que  estejam também jogadores que decidam, craques que o Brasil sabe formar.

É isso!

Cl16023 (Franca X Croacia, Final)

Mbappé e Modric

***

Fotos da internet!

Brincadeiras de outros tempos

Antigamente no meu tempo de criança, e um pouco mais, as nossas brincadeiras eram mais junto à natureza ou aos amigos, também ao redor de uma mesa jogando jogos diversos, em família, não como hoje em dia diante de computadores, smartphones e/ou outras tecnologias, e vezes que outras longe das pessoas.

Cl15982 (Jogando bolinhas de gudes)

Eu gostava de brincar de esconder com os outros, jogava bolinha de gude, pauzinhos (cada participante tinha três palitos de fósforos na mão, e tinha-se que adivinhar a soma, o que acertava tirava um até zerar)  com o meu avô – lembro que esqueci de ir a uma aula no colégio, porque fiquei jogando pauzinhos com ele – jogos de tabuleiros, aos montes, pião, brincava com pernas de paus, mas o equilíbrio não era lá grande coisa, e acho que continua não sendo, andava de bicicleta, jogava pebolim, eu tinha esse jogo, com meus amigos e amigas, jogo de botão, eu até tinha o tabuleiro da Estrela. Nunca pulei corda, sempre tive medo de cair, jogava futebol com a gurizada, e vivíamos mais ao ar livre, mais em grupos, mas hoje em dia ficamos presos demais em casa e diante do que é tecnologia, seja ela qual for, claro que os tempos mudaram, a segurança não é mais a mesma, mas é outro assunto e para outro post.

Cl15987 (Pernas de pau)

Eu lembro de uma brincadeira que colocava-se as pernas dentro de um saco e uma colher na boca, e um ovo na colher e disputava-se corrida com outros, não podia-se deixar cair o ovo, claro. Se participei de uma assim, não lembro, talvez, mas lembro de um lugar onde presenciei algo assim ou participei.

Nunca soltei pandorga, mas meu irmão sim, apenas fui junto com ele e meu pai, foi um evento com outros participantes na Praia do Cassino, Rio Grande/RS, já adolescentes.

Cl15991 (Pandorgas, Pipas)

Minhas boas brincadeiras, existiram muitas outras que participei e não, são dos anos 70, não da década seguinte em diante, aí já adulto, e com o tempo vou atualizando o post.

Depois vieram os vídeos games, os computadores e a era da tecnologia, e estamos nela até os dias de hoje, não me arrependo, gosto demais, e resolvi fazer o post, post esse que começou enquanto eu tomava café num dia desses e comecei a recordar o antes e o agora, o passado e o presente. O que de bom vivemos naquela época, e o que de bom vivemos hoje.
Poderia estar melhor?
Talvez sim, talvez não, depende, vai do momento, mas me sinto bem, e essas são recordações daqueles bons anos e o que vivemos de bom nos dias de hoje.
Por ora é só!

***

Imagens da internet.

Amii

Amii Stewart – Knock On Wood, eis a música que eu mais ouvia em 1979, e começo dos anos oitenta, inclusive em comerciais, então começo o mês recordando.

Cl15979 (Amii Stewart)

Knock On Wood
(Amii Stewart)

I don’t want to lose you, this good thing
That I got ‘cause if I do
I will surely
Surely lose a lot
‘Cause your love is better
Than any love I know
It’s like thunder and lightning
The way you love me is frightening
You better knock, knock on wood, baby

I’m not superstitious about ya
But I can’t take no chance
I got me spinnin’, baby
You know I’m in a trance
‘Cause your love is better
Than any love I know
It’s like thunder and lightning
The way you love me is frightening
You better knock, knock on wood, baby

It’s no secret about it
That woman is my loving cup
‘Cause she sees to it
That I get enough
Just one touch from here
You know it means so much
It’s like thunder and lightning
The way you love me is frightening
You better knock, knock on wood, baby

You better knock, knock, knock on wood

Livros impressos

Comprei dois livros impressos, certos livros tem que ser físicos, A História do Século 20 Para Quem Tem Pressa, de Nicola Chalton e Meredith Macardle, e A História do Mundo Para Quem Tem Pressa, de Emma Marriot. No aguardo de ambos. O mais importante para mim é A História do Século 20, um livro de 200 páginas.

Sinopse:

A História do Século 20 para Quem Tem Pressa é um guia acessível para 100 anos de história moderna. Enormes avanços na ciência e na tecnologia — estimulados por exigências do comércio internacional e conflitos armados sem precedentes — resultaram no surgimento de aviões, automóveis e antibióticos que salvam vidas. Desde a queda do Império Britânico até a era nuclear, desde os avanços pioneiros nos direitos civis até a internet, o ritmo e o alcance do progresso e das mudanças foram extraordinários. Nicola Chalton e Meredith MacArdle relatam os impressionantes eventos de um século diferente de todos, identificando as figuras-chave e os momentos decisivos desse notável período da história. Em ordem cronológica, informações básicas sobre duas guerras mundiais, a criação das vacinas, a conquista da Lua, o fenômeno da globalização, a revolução digital, o perigo do aquecimento global… e muito mais em linguagem de fácil entendimento e com mapas ilustrativos para o leitor que deseja conhecer melhor o mundo em que vivemos.

E a sinopse do livro A História do Mundo Para Quem Tem Pressa, é na verdade um guia sintético, mas abrangente, para tudo o que precisamos saber sobre os acontecimentos mais importantes da história, desde as antigas civilizações até o final da Segunda Guerra Mundial e a criação da ONU. Quer esteja interessado no império de Alexandre, o Grande, ou no florescimento da república cartaginesa e sua destruição por Roma; na ascensão dos califados árabes ou na dinastia Tang, da China; na Guerra Civil Norte-Americana ou na emancipação das mulheres, você encontrará os fatos essenciais neste livro igualmente essencial.

Conciso, agradável de ler e elegantemente simples, mas abalizado, A História do Mundo para Quem Tem Pressa permite que o leitor compreenda a interconexão do tempo e dos acontecimentos. Finalmente, uma síntese da história que não deixa pedra sobre pedra e nos ensina como o mundo moderno se tornou o que é.

***

Esperando para começar a ler, se bem que não é bem o meu tipo de leitura, mas há muito tempo de olho em ambos os livros.

Imagens da internet.

Segredos e Mentiras

Foi o quarto livro que eu li neste mês, de Juliana Dantas.

Sinopse abaixo.

Uma mentira foi contada.
Com apenas dezesseis anos, a aspirante a modelo Olivia havia se apaixonado e engravidado de Noah Belford, herdeiro de uma importante dinastia política americana.
Porém, o que seria um escândalo iminente, não aconteceu quando a criança nasceu morta.
Noah e Olivia seguiram suas vidas separadamente, ela se tornando uma famosa modelo e ele se preparando para ingressar na vida política como seu pai, um honorável senador da república.
Um segredo foi guardado.
Nove anos depois Olívia ainda sentia o coração apertado toda vez que via uma criança com a idade que sua filha deveria ter hoje. O vazio que aquela perda deixou em sua vida era algo que nada poderia preencher, nem o fato de ela ter se tornado uma das modelos mais bem pagas e famosas da atualidade.
No entanto, sua vida está prestes a tomar um rumo inesperado, quando reencontra Noah, agora candidato ao senado e os dois são forçados a se unir novamente em prol de algo que nunca poderiam imaginar.
Mentiras descobertas, segredos revelados e um escândalo em andamento numa trama sobre amor, a força do destino e o verdadeiro significado de família.

Cl15965 (Segredos e Mentiras, Juliana Dantas)

Assim que li a sinopse me interessei pela história e o comprei, pena que a leitura foi rápida.

E foi o terceiro livro que li da mesma autora, o primeiro foi A Verdade Oculta, o segundo Cinzas do Passado e este, Segredo e Mentiras, e gostei de todos, que agora vou ficar de olho nas outras histórias dela.

Também li outro livro com o mesmo nome, Segredos e Mentiras, de Diane Chamberlain, e assim vou indo, do meu jeito, lendo e anotando os e-books, atualmente e-books, lidos, no Skoob.

A Carícia da Morte

Acabei de ler agora à noite, o sexto e penúltimo livro da série Um Mistério de Riley Paige, A Carícia da Morte, de Blake Pierce, meu primeiro e-book do mês de junho.
Sinopse abaixo.

Homens e mulheres estão a aparecer mortos nos subúrbios de Seattle, envenenados por um químico misterioso. Quando é descoberto um padrão e se torna claro que um assassino em série brutal está envolvido nos crimes, o FBI recorre à sua melhor agente: A Agente Especial Riley Paige. Riley vê-se obrigada a regressar à linha da frente, embora ainda a recuperar dos ataques contra a sua família se mostre renitente em regressar. Mas à medida que os corpos vão aparecendo e os homicídios se tornam cada vez mais inexplicáveis, Riley sabe que não tem escolha.
O caso leva Riley às profundezas do inquietante mundo dos lares, hospitais, de cuidadores estranhos e pacientes psicopatas. À medida que Riley penetra mais fundo a mente do assassino, percebe que está a perseguir o mais terrível assassino de todos: um cuja loucura não tem fim – e que pode parecer chocantemente normal. (Amazon)