Meus livros de setembro

Nesse mês de setembro li três livros impressos, de Agatha Christie, Cartas Na Mesa, O Natal de Poirot e Convite Para Um Homicídio, e dois e-books, O Homem do Deserto, de Lídia Craveiro, e Após A Tempestade, de Karen White, o quinquagésimo livro do ano, então pode-se dizer que é um mês de livros impressos, a maioria, de livros que eu já tinha, antigos, e resolvi reler.
Sempre acho que não vou ler de novo e do nada começo a ler, mas cansado de tanto usar os olhos, forçá-los nas muitas telas que surgem na minha frente, com brilho ou não, o computador, a televisão e o e-reader, e vez que outra, o smartphone.

 

Cinco livros, 3 e 2

Terminei hoje o quinto livro do mês, achava que não tinha mais condições de começar um livro nesse mês, venho cansando, mas completei a leitura de Após A Tempestade, de Karen White, o livro número 50 do ano, e meu post 500. Um livro com duas mulheres, Julie e Aimee, e a história delas e de suas famílias.
Queria ler esse livro há muito tempo, mas nunca comprava, até que o fiz, e gostei muito.
Cinco livros, 3 e 2, significa três livros impressos e dois e-books, apenas um título, mas o post com os  livros lidos vem dentro de dois dias. É isso.

Após A Tempestade

 

Listen To Your Heart

Listen To Your Heart
(Roxette)

I know there’s something in the wake of your smile
I get a notion from the look in your eyes, yea
You’ve built a love, but that love falls apart
Your little piece of heaven turns to dark

Listen to your heart
When he’s calling for you
Listen to your heart
There’s nothing else you can do
I don’t know where you’re going
And I don’t know why
But listen to your heart
Before you tell him goodbye

Sometimes you wonder if this fight is worthwhile
The precious moments are all lost in the tide, yea
They’re swept away and nothing is what is seems
The feeling of belonging to your dreams

Listen to your heart
When he’s calling for you
Listen to your heart

There’s nothing else you can do
I don’t know where you’re going
And I don’t know why
But listen to your heart
Before you tell him goodbye

And there are voices
That want to be heard
So much to mention
But you can’t find the words
The scent of magic
The beauty that’s been
When love was wilder than the wind

Listen to your heart
Take a listen to it
When he’s calling for you
Listen to your heart
Take a listen to it
There’s nothing else you can do
I don’t know where you’re going
And I don’t know why
But listen to your heart
Before

Listen to your heart!
Take a listen to it
When he’s calling for you
Listen to your heart!
Take a listen to it
There’s nothing else you can do
I don’t know where you’re going
And I don’t know why
But listen to your heart
Before you tell him goodbye

(Listen to your heart)
(Listen to your heart)
Take a listen to it, heart!
(Listen to your heart)
Take it, take a listen to it, yeah!
(Listen to your heart)
(Listen to your heart)
Heart! Heart!
(Listen to your heart)
Heart! Heart!
(Listen to your heart)
Heart! Heart!
(Listen to your heart)
Heart! Heart!
(Listen to your heart)
Heart! Heart!
(Listen to your heart)
Heart! Heart!

e-books e os gastos

Nesse mês de setembro adquiri oito e-books, li quatro, mas este post fica para o fim do mês, já pronto, mas esses oito e-books serão lidos com o tempo. Gastei quase cento e quinze reais com eles, isso que evito livros acima de vinte e cinco reais, salvo exceções. Os livros adquiridos ontem, foram A Sutil Arte de Ligar o F*da-se, de Mark Manson; Tudo Aquilo Que Eu Não Disse, Duas Garotas, Uma Carta, de Kathryn Hughes; e O Colecionador de Memórias, de Cecelia Ahern. Será que com esse valor eu adquiriria os mesmos oito livros impressos? Mesmo assim, os e-books poderiam ter um valor melhor.

Cl16111 (A Sutil arte de ligar o foda-se, Mark Manson)

De uns tempos para cá, e mesmo lendo quatro e-books e comprando outros, não quero comprar livros, impressos ou digitais, a partir de novembro. Nem em janeiro, nem em novembro, nem em dezembro. Comprar livros até outubro. Depois somente os gratuitos. Esse ano me propus a isso, e venho tentando.

Bom, meta para 2019 ainda não tenho, em termos de leitura, sempre procuro ler mais do que li no ano anterior, mas venho cansando disso, e livros para serem comprados devem ser pontuais, ler a sinopse, procurar a resenha e ler o que comentam na internet, se a história de fato é boa ou deixa a desejar. Hoje deixei de comprar um e-book depois de ler duas resenhas e comentários.

Superar 70 livros pra mim é muito. Li até agora 49 livros, e vem custando para sair o quinquagésimo. Quer dizer, se ler 58 livros supero 2016, se alcançar setenta igualo 2017 e já me dou por satisfeito, mas sem vontade de ler, emprestando meus olhos para a televisão com as séries, e o computador, não chego ao lido ano passado. Falta vontade, não livros.

Cl16115 Tudo Aquilo Que Eu Não Disse, Duas Garotas, Uma Carta, Kathryn Hughes)

***

Imagens da internet.

Comercial 2

Outro comercial que eu gosto muito de ver na televisão, enquanto assisto as minhas séries favoritas, é esse aqui da Samsung, acho muito engraçado.
Post editado, o vídeo não roda mais.

Não o encontrei quando fiz o post anterior, Comerciais, mas agora deu, nada como o Google na parada, basta repetir, pesquisar “tá difícil se livrar do seu celular antigo?” que são as primeiras palavras do comercial, que apareceu o vídeo, e reproduzo acima.

Skoob, tag estante virtual

Olhando aqui no Blog das Tatianices, tem uma tag sobre o Skoob, Tag: Skoob – minha estante virtual, e como tenho cadastro, resolvi participar também, e dar uma arrumada por lá, o que é e-book colocando como tal, mas vou precisar de outros dias para deixar tudo pronto.

Meu perfil por lá,

https://www.skoob.com.br/usuario/53816

01. Quantos livros você tem na sua aba LIDOS?

252 livros.

02. Qual livro você está lendo agora?

No momento nenhum. Reli o livro Convite Para Um Homicídio, de Agatha Christie.

03. Quantos livros tem na sua aba QUERO LER?

Quatro.

04. Você está relendo algum livro? Se sim, qual?

Nesse momento não.

05. Quantos livros você abandonou? Quais?

Seis: Orgulho e Preconceito (Jane Austen), O Último Segredo (J.R. dos Santos), Os Sete Minutos (Irving Walace), 1968: O Ano Que Não Terminou (Zuenir Ventura), Cimarron (Edna Ferber), O Dia do Chacal (Frederick Forsyth), até agora. Tem também O Assassino das Palavras Cruzadas (Dante Pereira Nunes, mas não encontra-se no Skoob, e não tem como registrar).

06. Quantas resenhas você tem cadastradas no Skoob?

Não faço resenhas.

07. Quantos livros avaliados?

Avaliei 198.

08. Quantos livros tem na sua aba FAVORITOS? Cite alguns.

Tenho 29.

09. Quantos livros tem na sua aba TENHO?

143, somente os impressos que tenho comigo, e que o Skoob tem em seu site, arquivos digitais (Amazon e Saraiva), não contei.

10. E na aba DESEJADOS?

Nenhum.

11. Tem algum livro emprestado?

Nenhum.

12. Você quer trocar algum livro? Se sim, qual?

Não.

13. Você tem uma meta no Skoob? Já cumpriu?

No Skoob não. Por ano sim, leio um X número de livros, hoje e-books, alguns impressos eu releio durante o ano.

14. Qual o número no seu paginômetro atualmente?

73.714

15. Qual o link do seu perfil no Skoob?

https://www.skoob.com.br/usuario/53816

Bryan Adams

Passa o tempo, mas continua linda essa música do Bryan Adams, motivo que reproduzo aqui.

Everything I Do, I Do It For You
(Bryan Adams)

Look into my eyes
You will see
What you mean to me
Search your heart
Search your soul
And when you find me there, you’ll search no more
Don’t tell me it’s not worth tryin’ for
You can’t tell me it’s not worth dyin’ for
You know it’s true
Everything I do
I do it for you
Look into your heart
You will find
There’s nothin’ there to hide
Take me as I am
Take my life
I would give it all, I would sacrifice
Don’t tell me it’s not worth fightin’ for
I can’t help it, there’s nothin’ I want more
You know it’s true
Everything I do
I do it for you
There’s no love
Like your love
And no other
Could give more love
There’s nowhere
Unless you’re there
All the time
All the way, yeah
Look into your heart, baby
Oh your can’t tell me it’s not worth tryin’ for
I can’t help it there’s nothin’ I want more
Yeah, I would fight for you
I lie for you
Walk the wire for you, yeah, I’d die for you
You know it’s true
Everything I do
Oh
I do it for you
Everything I do, darling
And we’ll see it through
Oh we’ll see it through
Oh yeah
Yeah
Look into your heart
You can’t tell me it ain’t worth dying for
Oh yeah
I’ll be there, yeah
I’ll walk the wire for you
I will die for you
Oh yeah
I would die for you
I’m going all the way, all they way, yeah

Comerciais

Dois comerciais vem me chamando muito a atenção, o primeiro é o dos Postos Petrobras, onde uma moça anuncia aos que estão no carro junto com ela, que está grávida, o jeitinho dela anunciar e o sorriso fazem do comercial o melhor para mim, e o segundo é o da Havaianas, onde o cachorro Sansão ajuda o dono.
Eu tinha outro para colocar nesse post, mas por não encontrar o vídeo e nem ter certeza da marca, fico com esses dois.

 

Os e-books

Comprei três e-books esta noite, um de uma autora que nunca havia comprado, o segundo já esteve em muitas listas, principalmente no meu começo, e o último que sempre dava uma olhada na sinopse, mas que nunca me decidia, respectivamente A Mentira, de Nora Roberts, finalmente comprei o primeiro livro dela, custou e como custou, mas enfim saiu, e vou lê-lo após quase três anos lendo e-books, Após A Tempestade, de Karen White, e Procura-se Um Marido, de Carina Rissi, e claro, este e-book também esteve em listas anteriores, e passa a ser meu quarto e-book da Carina.

A lista dos livros que tenho por ler em meu Kindle Paperwhite para os próximos dias é, O Homem do Deserto, de Lídia Craveiro; Perto O Bastante Para Tocar, de Colleen Oakley; Gritos No Silêncio, de Angela Marsons; Segredos de Família, de Lisa Wingate; A Mentira, de Nora Roberts; Após A Tempestade, de Karen White; e Procura-se Um Marido, de Carina Rissi. E dessa lista de sete livros, até agora, o primeiro a ler será O Homem do Deserto. Há muito também passando os olhos por esta sinopse, mas agora possuo o e-book.

Cl16086 (O Homem do Deserto)

Mistérios e lembranças

Em 1981 no aeroporto do Galeão, no Rio, comprei um livro para ler no avião – li parte do livro durante o voo – enquanto retornava para Pelotas com a família, Cartas Na Mesa, de Agatha Christie. Reli o livro ontem, e hoje, na sequência, li mais outro dela, O Natal de Poirot, esse adquirido em 1982.
Quando comprava esses livros impressos anotava alguma coisa neles, geralmente no começo, data e local da compra, como das leituras e releituras. Hoje não faço mais isso.
Foi mexendo em um armário de livros antigos de onde tirei esses dois livros de mistérios, até estava pensando em comprar o e-book O Natal de Poirot, e pude evitar com isso um gasto desnecessário, visto que o tenho há bastante tempo, e dessa forma, muitos outros livros bons, e impressos, daquela época, para ler.
Minhas duas primeiras leituras desse mês.

 

Aeroporto de St. Maarten

Eu sempre olhava determinadas fotos, pela internet, e achava que fossem montagens, sério, até que pelo YouTube, onde venho vendo muitos vídeos, e variados, percebi que era bem real.  O meu post de hoje trata-se do Princess Juliana International Airport, localizado na ilha de St. Maarten, no Caribe, e as fotos falam por si, assim como os muitos vídeos existentes na rede social.

Essa minha procura por vídeos começou com a procura, na internet, pela primeira temporada da série Hawaii 5-0, que não encontrei, e estendeu-se por muitos outros, e os que achei mais interessantes vou postando aqui, ou deixando em fotos, como nesse post.

Cl16029 (Aeroporto de St. Maarten, Caribe)

Cl16042a (Aeroporto de St. Maarten, Caribe)

Incrível, não é, mas também muito perigoso para quem não obedecer o cartaz, que está aí como um alerta, mas a maior parte das pessoas ficam no local para fazer as melhores fotos e até vídeos.

Cl16048 (Saint Maarten, Caribe)Saint Maarten, Caribe

 

***

Fotos da internet.

Memória

Um jogo que venho jogando bastante na internet, aqui no Racha Cuca. Memória um pouco cansada, jogo aberto e jogando muito, me ajuda, e entre um site e outro, abas que ficam abertas no meu computador, descanso jogando.

Não gosto de jogos, mas esse venho jogando bastante. Esse, e às vezes Paciência Spider, já joguei Problemas de Lógica, e até Palavras Cruzadas, tudo por esse site. Apenas uma dica!

Memória

Jogo da Memória (Racha-Cuca)

Jogo da Memória (Racha-Cuca)02

Figuras iguais desaparecem, e vão eliminando os quadrados.

***

Foto da capa da internet.

Séries

Estava pesquisando pela internet o Netflix para saber quais séries passam lá, e por cima vi a lista de 40 delas, depois 50, e nenhuma das que eu gosto, estava com várias abas abertas sobre o site, fechei todas, me cadastrar para não ver o que eu gosto, ou que não conheço, mesmo tendo um período gratuito, não. Viria pelas séries que vejo na televisão a cabo, algumas, não por este monte de séries que não tenho interesse, respeitando quem tenha.

Cl16074 (Hawaii 5-0)

Sempre dei preferência por filmes, é rápido, tem começo, meio e fim, e um tempo mais ou menos certo, 90, 120 minutos, um pouco mais, mas no começo, na Net, por seis temporadas assisti Criminal Minds, ainda vejo alguns episódios antigos, como novos, e acompanhei também a mudança dos vários artistas que estiveram nela.

Cl16077 (Criminal Minds)

Olhando aqui o Crackle, apenas me inteirando, e nele tem muitas das séries que eu quero acompanhar. Vamos ver se vale à pena.