A Noite dos Casacos Vermelhos

Terminei hoje o quarto livro, e possivelmente último desse mês de janeiro, que passou rápido, A Noite dos Casacos Vermelhos, de Rey Vinas, resenha aqui.
Não gostei do livro, mais um que não me empolgou, mas por ser rápido consegui terminá-lo. Poucas linhas, apenas um registro.

Cl15765 (A Noite dos Casacos Vermelhos, Rey Vinas)

***

Fotos da internet.

Tempos Modernos

Eu vejo a vida melhor no futuro
Eu vejo isso por cima de um muro
De hipocrisia que insiste em nos rodear
Eu vejo a vida mais clara e farta
Repleta de toda satisfação
Que se tem direito do firmamento ao chão
Eu quero crer no amor numa boa
Que isso valha pra qualquer pessoa
Que realizar a força que tem uma paixão
Eu vejo um novo começo de era
De gente fina, elegante e sincera
Com habilidade
Pra dizer mais sim do que não, não, não
Hoje o tempo voa, amor
Escorre pelas mãos
Mesmo sem se sentir
Não há tempo que volte, amor
Vamos viver tudo que há pra viver
Vamos nos permitir
Eu quero crer no amor numa boa
Que isso valha pra qualquer pessoa
Que realizar a força que tem uma paixão
Eu vejo um novo começo de era
De…

Cl15743 (Tempos Modernos)Clique na foto

(Lulu Santos)

***

Imagens da internet.