Na madrugada

Não comprei o Kindle, tenho o Lev, mas pensando exatamente nisso pelas opções de livros do site da Amazon, e preços, se bem que mal comecei a olhar, quanto aos preços se igualam aqui e ali, com diferenças mínimas entre um livro e outro, uma promoção e outra.

Fiz meu cadastro, e descontente com a falta de muitos livros no único site que posso comprar meus e-books, e também com os preços.

Por enquanto apenas uma lista, um post editável, e claro, tenho que pensar muito se vale à pena comprar um outro leitor digital, e se fosse fazer esta loucura, porque gastar assim, em outro, é uma loucura, seria o Kindle Paperwhite, somente wi-fi.

Vi os livros Sem Pistas (Blake Pierce), Em Águas Sombrias (Paula Hawkins), A Garota dos Olhos Azuis (Karin Slaughter), e Um Crime Na Escócia (Alec Baurer).

E o incrível é que alguns livros vistos aqui não encontrei na Saraiva, este é o quê da questão, o porquê de me lançar a um outro e-reader.

Hoje, começo da noite

Voltando agora, depois desse dia que parou o país, da luta do povo contra o povo, que é o que eu vi pela tv com incêndios, pistas interrompidas, quebra-quebra, brigas, já que eu não saí hoje, e agora olhando outros livros, livros como Armadilha (Melanie Raabe), A Coleira (Nana Pauvolih), No Mundo da Luna (Carina Rissi).
Sobre o livro digital da Carina, o que me desagrada, atualmente me desagrada em um livro, é o número de páginas, quase 600, mas a história parece boa.
O Veneno Alheio – O Segredo de Sara (Clerio de O. S. Junior), As Listas de Ellen (Renata Varela), A Lista do Nunca (Koethi Zan), Na Ilha (Tracey Garvis Graves), As Gêmeas Devem Morrer (MM Lopes), Entrega Total – O Caso Blackstone Vol. 2 (Raine Miller) e A Prenda da Noiva (Ambra Blanchett).
*Já li o Vol. 1, Nua – O Caso Blackstone, e conforme forem as histórias, se do agrado, pretendo ler todas, e os livros estão mais em conta pela Amazon, mas a diferença é pouca.

Como eu não conheço bem o site da Amazon, entrei ontem, nem sabia que havia o site em português, passei esta noite explorando o mesmo. O que não venho gostando é quando faço a minha busca por determinado livro em português, aparecerem em inglês. Sei que é o site da Amazon, mas os livros que eu busco são em português do Brasil, não em outra língua.

Quanto aos livros, ainda olhando num e noutro site, para comprar só depois de ler uma que outra resenha, para não desistir pelo caminho, e de preferência livros com no máximo trezentas e poucas páginas. Já evitando livros com quatrocentas páginas em diante. Tenho um no Lev para ler, mas ainda não tomei coragem para começar.

Se pudesse eu já saía comprando os livros, mas não sei como ficaria, já que o e-reader mal foi comprado. Então sigo olhando outros livros, lendo a sinopse, e anotando.

Comecei meu post de um jeito e termino de outro, tudo para dizer que comprei o Kindle.

Cl15309 (Kindle)

Segue a lista

Violência Às Pressas (Christopher Smith), Quem Mexeu No Meu Trema (Max Gehringer).
Quanto ao livro do Max, prefiro impresso, se houver. Vamos ver se consigo por aqui, dependendo do preço, porque diretamente, pelas livrarias, estão caros demais. (Diretamente: comprado na cidade)

Anúncios