É sabido no futebol que comemorar um gol tirando a camisa leva ao cartão amarelo, então eu me pergunto, a todos esses jogadores que usaram dessa prática, o que passa na cabeça deles para agirem assim? E tirar a camisa e atirar ao chão ou girar sobre a cabeça pra mim não é comemoração, é falta de respeito com as cores do clube. As comemorações que me chamam mais atenção é quando o atleta pega a camisa e beija sobre o logotipo da mesma ou a do Rei Pelé saltando no ar naquele seu gesto característico que ficou para a história, ou numa forma individual, por exemplo, Barcos tapando um olho, mas dançar ou jogar a camisa não é a comemoração que aprecio e o jogar a camisa acaba em penalidade para o jogador, e se reincidir no jogo, em expulsão, e foi o que aconteceu com Pedro Rocha, que não só prejudicou a ele mesmo, pois não joga a final, como e principalmente ao Grêmio.

Anúncios