O ano não tem sido bom, a saúde vem incomodando aqui por casa desde abril, maio minha mãe ficou duas semanas no hospital, mas saiu bem e curada, graças a Deus, agora ela e eu andamos gripados, andei com pressão alta por não tomar a medicação como deveria, mas acertei, o que vem como pior no momento e em muitos momentos são as dores da L.E.R., velhas dores da L.E.R., pois voltaram com tudo, então me dei um tempo pela internet, e entro uma que outra vez, mas passei um tempo longe do blog, só com o mouse ou pelo celular, mas o mínimo, e nesse tempo todo também lendo, desde dezembro com uma escolha muito boa de leituras, salvo dois ou três livros muito chatos, mas em todos cheguei até o final.

Este mês li A Fuga, de Barbara Delinksy, um ótimo livro, gostoso de ler, que fica como minha dica, já no momento lendo Onde Está Elizabeth?, de Emma Healey, uma situação muito comum nos dias de hoje, triste, de demência, esquecimentos, etc., coisas que estão presentes no dia a dia de muitos idosos.

E pra terminar, minha Nikon está com problemas, pois não consegui ligá-la. Mandei para o conserto, espero que seu problema seja logo solucionado. E meu post de hoje foi mesmo um diário dos últimos tempos, mas escrever o quê? Nem deveria ter desafiado minhas dores.

Anúncios